Blog » 2014 » julho

28 de julho – Dia do Agricultor

Comer nozes pode contribuir para a redução do risco cardíaco em 30%

Uma porção diária de nozes pode diminuir o risco de doenças cardíacas em quase um terço, mostra uma nova pesquisa.

Comer amendoim, castanha de caju e castanha do Pará em vez de doces gordurosos corta as chances de ter problemas cardíacos em até 30% e também reduz o número de mortes por todas as causas em 17%.

As nozes e castanhas contêm uma rica combinação de ácidos graxos insaturados, vitaminas, minerais e outros nutrientes, que trabalham em conjunto para diminuir o colesterol e a inflamação no corpo.

Especialistas da Hua Zhong University of Science and Technology, em Wuhan (China) e da Harvard School of Public Health, em Boston, analisaram os benefícios desses alimentos para a saúde a partir da reunião de dados de uma série de estudos anteriores. Entre os participantes, foram verificados mais de 12 mil casos de diabetes tipo 2, 15 mil casos de doenças cardíacas e quase 50 mil óbitos.

Os resultados, publicados online na revista American Journal of Clinical Nutrition, mostraram que para cada porção diária de nozes o risco de doença cardíaca caiu a 28% e a chance de óbito por qualquer causa foi 17% menor.

No entanto, não houve diferença significativa nas taxas de diabetes e risco de acidente vascular cerebral (AVC) entre os que consumiram o alimento e os que não o consumiram.

Em um relatório sobre as suas conclusões, os cientistas afirmaram que é imprescindível incluir as nozes como parte de um padrão alimentar saudável na prevenção de doenças crônicas.

Fonte: ZH